sexta-feira, 22 de abril de 2016

TV Cultura estreia três séries da BBC - Shakespeare Revelado, Planeta Dinossauro e Sherlock

Divulgação
Três consagradas séries produzidas pela BBC,Shakespeare Revelado, Planeta Dinossauro e Sherlock, chegam à tela da TV Cultura. Com formatos e assuntos distintos, elas estreiam às 22h dos dias 27 e 28 de abril, e 6 de maio, respectivamente, e passam a ser exibidas semanalmente pela emissora. 

Na quarta-feira (27/4), a primeira estreia, Shakespeare Revelado, traz grandes nomes da arte cênica mundial falando sobre a obra do dramaturgo inglês, que completa 400 de morte neste mês. Combinando análise com paixão pessoal, os filmes revelam detalhes dos trabalhos de Shakespeare e seus impactos nos dias de hoje.
No primeiro episódio, o ator Morgan Freeman, que se destacou por atuações em longas como Um Sonho de LiberdadeMenina de Ouro e Conduzindo Miss Daisy, fala sobre A Megera Domada. Além dele, Kim Cattrall (Sex and the City), Hugh Bonneville (Downton Abbey), Joseph Fiennes (Shakespeare Apaixonado), Christopher Plummer (Toda Forma de Amor), Orlando Bloom (O Senhor dos Anéis), Patrick Stuart (X-Men) e Janet Suzman (Royal Shakespeare Company) também integram a série, assim como o premiado compositor Stephen Sondheim.
Composta por seis episódios de 50 minutos cada, Shakespeare Revelado mescla entrevistas a trechos de algumas das mais célebres produções da obra do dramaturgo. Os outros textos esmiuçados no programa são Antônio e CleópatraRomeu e JulietaSonho de uma noite de verãoOthello e Rei Lear. A série passa a ser exibida todas as quartas-feiras, às 22h.
No dia seguinte, quinta-feira (28/4), a emissora é transportada para o período pré-histórico com a estreia de Planeta Dinossauro. Uma coprodução entre a BBC, o Discovery Channel e a ZDF, a série traz à vida monstros desconhecidos e assustadores, que integram uma leva de descobertas recentes da ciência.
Graças à tecnologia de computação gráfica adotada, que alia 3D ao estilo CSI, a série proporciona uma total imersão no mundo pré-histórico, recriado inteiramente, o que inclui não apenas as criaturas, mas também seu habitat e modo de vida.
Com fatos curiosos, o programa mostra como as últimas revelações sobre os dinossauros trouxeram uma nova perspectiva global sobre a era mesozoica. Exibida às quintas-feiras, às 22h, a série é composta por três episódios de 50 minutos cada.
No primeiro, Novos Gigantes, o programa recria a África e a América do Sul de milhões de anos atrás para apresentar duas espécies enormes, bem maiores que o Tiranossauro Rex, que foram catalogadas há pouco tempo: o Spinosaurus, maior predador dino já encontrado, e o Argentinosauros, herbívoro cuja uma única vértebra era maior do que um ser humano.
A última estreia da semana acontece na sexta-feira, dia 6 de maio, com Sherlock. A premiada série da BBC transporta Sherlock Holmes a Londres do século XXI. Nesta adaptação da série de livros criada por Arthur Conan Doyle, o detetive está de volta com suas características mais marcantes: irritável, contemporâneo, difícil e perigoso. Indicado ao Oscar como protagonista de O Jogo da Imitação, Benedict Cumberbatch dá vida ao clássico personagem.
Acompanhado por seu fiel auxiliar, John Watson, interpretado por Martin Freeman (O Hobbit), ele presta ajuda à Polícia Metropolitana de Londres (Scotland Yard), solucionando casos impossíveis com sua inteligência e lógica fora do comum. Além disso, os dois precisam lidar com o vilão Jim Moriarty. Na série, o gênio do crime e maior inimigo de Holmes é vivido por Andrew Scott (Spectre).
Produzida pela BBC e pela Masterpiece, a série estreou no Reino Unido em 2010 e, desde então, vem acumulando prêmios, como o BAFTA e o Emmy. Com três temporadas até agora – todas elas adquiridas pela TV Cultura -, a produção se diferencia pelo formato. Cada seção conta com três longos episódios de 90 minutos.  Sherlock passa a ser exibido pela emissora toda sexta-feira, às 22h.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo