quinta-feira, 28 de julho de 2016

Band transmite mais de 200 horas dos Jogos Olímpicos Rio 2016

Os atletas Fábio Vanini, Danilo Castro, Marcio Wenceslau, Henrique Guimarães, Virna, Marcelo Negrão,  Helen Luz, André Domingos, Flávio Saretta, Dayane Camilo, Marcos Biekarck, Victor Rosa,  Cacá Bizzocchi e Patrick Winkler estão na equipe de comentaristas da Band - Divulgação/Band

A Band será a emissora de TV aberta que mais tempo dedicará aos Jogos Olímpicos Rio 2016. Em agosto, a grade da emissora muda para dar espaço a mais de 200 horas de transmissão ao vivo. Para isso, a sede esportiva da Band se transfere para o Rio de Janeiro, com todos os narradores e comentaristas trabalhando na cidade.


“Além do olhar especial para os atletas brasileiros e para as competições onde há chances reais de medalhas, a Band vai mostrar todas as modalidades em que os grandes atletas mundiais estarão presentes”, adianta Diego Guebel, diretor-geral de conteúdo da Band. 

A emissora vai usar tecnologia de ponta na transmissão com câmeras dotadas de recursos excepcionais como slowultra slow, além de softwares de análise de dados e helicóptero. “O nosso objetivo é produzir um grande espetáculo de imagem para o telespectador”, completa o diretor.
Com uma belíssima vista como pano de fundo, o glass studio construído no Parque Olímpico vai abrigar as ancoragens, inclusive dos telejornais; é de lá que Ricardo Boechat e Paloma Tocci apresentarão o “Jornal da Band”. Os narradores e comentaristas da emissora também terão à disposição um segundo estúdio no Centro de Transmissão Internacional, além de ocupar posições exclusivas nas arenas de competição.

Trio de ouro na cerimônia de abertura
A Band escalou Ana Paula PadrãoRicardo Boechat e o especialista olímpicoÁlvaro José para comandar a transmissão de abertura dos Jogos Olímpicos no dia 5 de agosto. Será o início de uma maratona de 14 horas diárias que envolverá mais de 400 profissionais durante as três semanas de competição.

Atletas medalhistas no time da Band
Durante os jogos, atletas medalhistas (veja relação abaixo) irão integrar a equipe esportiva da Band. O campeão olímpico Marcelo Negrão e a ex-jogadora e medalhista olímpica Virna encabeçam um time de 40 comentaristas.
Um dos principais destaques é Álvaro José, jornalista especializado em modalidades olímpicas. De Moscou em 1980 à Londres em 2012, ele já cobriu nove olimpíadas. Professor de história, Álvaro é reconhecido por seu profundo conhecimento dos jogos e pela memória certeira que aparece durante as transmissões em forma de dados, nomes e marcas de recordes.
Outro destaque fica para José Luiz Datena, que vai narrar partidas de vôlei. A cobertura do futebol nos jogos ficará a cargo do time titular: Téo José,Oliveira AndradeNetoDenilsonUlisses Costa e Edmundo.  
Abaixo, a relação dos atletas que estão no time da Band:

André Domingos (atletismo - medalha de prata no revezamento 4X100 em Sidney)
Cacá Bizzocchi (vôlei)
Cláudio Roberto (atletismo – medalha de prata no revezamento 4x100 em Sidney)
Danilo Castro (basquete)
Dayane Camilo (ginástica rítmica – medalha de ouro no Pan de Winnipeg; medalha de ouro no Pan de Santo Domingo)
Fabio Vanini (handebol)
Flávio Saretta (tênis)
Gabriel de Oliveira (boxe)
Helen Luz (basquete – medalha de bronze em Sydney; medalha de ouro no mundial de 94).
Henrique Guimarães (judô - Bronze em Atlanta 96)
Marcelo Negrão (vôlei – medalha de ouro em Barcelona)
Marcos Biekarck (vela)
Márcio Wenceslau (taekwondo – medalha de prata no Pan do Rio; medalha de bronze no Pan de Guadalajara) 
Patrick Winkler (natação)
Victor Rosa (ginástica artística)
Renato Messias (tênis)
Vanderlei Oliveira (atletismo)
Virna (vôlei – medalha de bronze em Atlanta e Sydney; medalha de ouro no Pan de Winnipeg; medalha de ouro em 4 edições do Grand Prix)

Em todas as telas
O público da emissora poderá acompanhar as transmissões em tempo real na web, pelo Portal da Band, e também pelo aplicativo da emissora parasmartphone que tem mais de 5 milhões do downloads. “Esses serviços complementares à tevê são importantes para manter a conexão com o público da Band. Estamos com o telespectador, esteja ele onde estiver”, afirma Diego Guebel.

Bandsports
No canal Bandsports, durante todo o período das Olimpíadas, apenas 30 minutos de cada dia não serão dedicados ao evento. Essa meia hora será ocupada por dois jornais de 15 minutos, com notícias sobre outros eventos esportivos (campeonato de futebol, por exemplo). As outras 23 horas e meia serão integralmente ocupadas pelos jogos olímpicos – dois jornais diários, boletins e flashes ao vivo, dezenas de competições ao vivo e, na madrugada, reprises dos eventos mais emocionantes.
Todos os jornais e boletins olímpicos terão o mesmo nome: “Maratona”. Pela manhã, apresentado por Maria Paula e William Lopes, o jornal Maratona vai começar pontualmente às 7h15 e terminar no exato momento em que começar a primeira competição olímpica do dia. A partir de então, o tempo será todo ocupado pela transmissão ao vivo das competições e, nos intervalos entre uma e outra, por boletins e flashes jornalísticos, com as informações do momento.
No final da noite, assim que terminar a última competição transmitida ao vivo, Celso Miranda e Mônica Apor apresentarão a versão noturna do jornal Maratona. Terá 75 minutos de duração, vai resumir tudo o que aconteceu ao longo do dia, sempre com a participação dos comentaristas do canal. Os dois jornais “não-olímpicos” serão mostrados diariamente após a Maratona da noite e às 7h da manhã.
Todo o material produzido pelas 24 equipes de reportagem credenciadas para a cobertura da Rio 2016 será utilizado indistintamente pelo Bandsports e pela Band aberta, em seus respectivos jornais, boletins e flashes ao vivo. Da mesma forma, locutores e apresentadores poderão atuar nos dois canais, como já é tradição no Grupo Band. Mas apesar desse intenso trabalho conjunto, as grades diárias de programação do Bandsports e da Band aberta serão totalmente diferentes – e complementares. “O que um canal transmitir ao vivo será sempre diferente daquilo que o outro estará mostrando”, explica Humberto Candil, diretor executivo de esportes da área de TV do Grupo Bandeirantes.
Esportes de grande apelo popular – como futebol e vôlei – naturalmente deverão ser transmitidos prioritariamente pela Band aberta, o que permitirá ao Bandsports manter sua tradição de sempre priorizar os chamados “esportes nobres olímpicos”, como atletismo, natação e judô. O canal normalmente já dedica atenção especial a esses esportes olímpicos. Transmite, por exemplo, a Diamond League – principal competição mundial de atletismo – e o Grand Prix de Judô, o campeonato mundial do esporte.

Rádios
As rádios do Grupo Bandeirantes terão mais de 200 horas de transmissões do maior evento esportivo do mundo. Serão mobilizados 30 profissionais das rádiosBradesco Esportes FMRádio Bandeirantes e BandNews FM no Rio de Janeiro. As transmissões começam no dia 3 de agosto, com o jogo entre Brasil e China, direto do estádio Olímpico, no início do torneio de futebol feminino. A última transmissão será a da cerimônia de encerramento, em 21 de agosto, no Maracanã.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo