segunda-feira, 1 de abril de 2019

Conheça os 19 participantes do MasterChef Brasil 2019

Crédito: Carlos Reinis/Band

MasterChef Brasil selecionou os últimos competidores da sexta temporada no programa deste domingo (31). Depois de acirrados embates e uma disputada repescagem, foram definidos os 19 cozinheiros amadores que vão disputar o título de MasterChef Brasil 2019. Conheça a seguir os participantes desta temporada.


André Boratto
André cresceu em Santos, no litoral de São Paulo, e desde criança gostava de observar o avô fazendo massa. Mais tarde aprendeu a cozinhar com os pais e tornou-se o cozinheiro oficial da família. Apaixonado por carnes, seus amigos também o elegeram como o churrasqueiro da turma. Mora em Brasília (DF) e trabalha como servidor público, mas de uns anos para cá começou a dedicar mais tempo à gastronomia, lendo livros e equipando sua cozinha. Se diz preparado para encarar os desafios do MasterChef e sonha abrir um restaurante de comida brasileira fora do país.

Carlos Augusto
Carlos mora há quase 20 anos nos Estados Unidos, onde tem sua própria empresa de Tecnologia da Informação. Nascido em Santo André, na Grande São Paulo, perfeccionista e exigente, pretende mostrar eficiência e liderança na competição. Acostumado a comandar grandes equipes, diz ser alguém que não abandona o barco quando há dificuldade à vista. Traz na sua bagagem referências de cozinha internacional como a árabe, francesa, americana e mexicana. Tem muito orgulho de suas conquistas, mas sonha em voltar para o Brasil e, quem sabe, começar uma nova carreira. Muito confiante de que vai se destacar no MasterChef, acredita ter chances de ser um dos finalistas do programa.

Ecatharine Santos
De família grande, a baiana Ecatharine teve uma infância próxima à natureza na região da Chapada Diamantina, onde mora até hoje. É professora de dança do ventre e tem seu próprio estúdio de Pilates, mas acredita ter chegado o momento de seguir seu coração e dedicar-se à gastronomia. De tanto ser elogiada, decidiu inscrever-se no MasterChef para mostrar uma cozinha regional e criativa. Além da comida baiana, também se identifica com a gastronomia italiana e adora preparar massas e risotos para os amigos. Apesar do jeito calmo e da fala mansa, afirma ter personalidade forte e está pronta para encarar a cozinha mais disputada do Brasil.

Eduardo Mauad
Nascido em Barretos, no interior de São Paulo, Eduardo Mauad cresceu na fazenda do pai em contato com a natureza. Animais, plantações e alimentos frescos faziam parte da rotina do menino que gostava de observar a mãe na cozinha. Médico formado, ama a sua profissão, mas na cozinha é onde relaxa e passa os melhores momentos do dia. Na época da faculdade, foi cantor de música sertaneja, mas abandonou a carreira para dedicar-se à medicina. Quer testar suas habilidades culinárias no MasterChef e diz estar preparado para investir em um dos seus grandes talentos, deixando claro que pressão nunca foi um problema e está preparado para o que vier.

Eduardo Richard
Eduardo Richard trabalha como advogado e é sócio de um escritório em Curitiba (PR) há 8 anos. Muito estudioso, está confiante do seu potencial e acredita que sua paixão por gastronomia pode leva-lo longe. Pensou em inscrever-se no programa desde a primeira temporada, mas só agora acredita estar pronto para enfrentar a cozinha mais disputada do Brasil. Seu ponto forte é a cozinha asiática, mas quer provar para si mesmo que seu conhecimento gastronômico não tem fronteiras. Disciplinado, se cobra muito em tudo que faz e tem dificuldade em lidar com críticas. Quer o troféu MasterChef para ser reconhecido pelo seu talento e dedicação.

Fernando Consoni
De Araras, no interior de São Paulo, Fernando é um arquiteto premiado que já viajou o mundo participando de concursos. Apesar da carreira bem-sucedida, ele acredita ter chegado o momento de investir no seu sonho: a gastronomia. Confiante, como cozinheiro se considera melhor do que muitos participantes que já passaram pelo programa em outras edições. Foi criado pelos avós e afirma que foram eles que o ensinaram a cozinhar e ter amor pela comida. Diz que só entra numa competição para ganhar e acredita ter grandes chances de ser o próximo MasterChef Brasil.

Haila Santuá
Nascida em Jataí, uma pequena cidade de Goiás, Haila começou a trabalhar muito jovem. Teve diversos empregos para conseguir aumentar a renda de casa, ajudar sua família e conseguir fazer faculdade. Formada em Publicidade, trabalha em uma empresa hoteleira, mas garante que culinária é sua maior paixão. Da infância, traz a lembrança de ter criado sua primeira receita de bolo aos 10 anos de idade e acredita que a confeitaria é o seu maior trunfo na competição. Entrar no MasterChef é um grande passo para alcançar seus sonhos na cozinha.

Helton Oliveira
Helton é o competidor mais jovem desta temporada. Aos 19 anos, trabalha na loja de roupas da mãe, mas acredita não ser seu caminho profissional. Dedicado e estudioso, está se preparando para o MasterChef há dois anos e não se deixa intimidar pela experiência dos demais competidores. Fã do programa, diz que tudo que sabe na cozinha é por causa do MasterChef. Adora testar ingredientes novos e não poupa esforços para encontra-los na pequena cidade de Jacutinga (MG), onde vive com a família. Helton é ambicioso e sonha em abrir o primeiro restaurante três estrelas do Brasil.

Imaculada So
Filha de pais comerciantes portugueses, a paulistana Imaculada trabalhou durante 17 anos como gerente de vendas uma empresa de cosméticos. Muito focada, batia todas as metas de venda. Aprendeu a cozinhar desde cedo, mas foi aperfeiçoando seu conhecimento assistindo a programas de culinária. Tirou um ano sabático e agora quer se preparar para mudar de carreira. A sua maior ambição é ter sucesso nessa nova jornada e ganhar o MasterChef.

Janaina Caetano
Janaina é taróloga e dedica-se a terapias holísticas. Curiosa, pesquisa muito sobre gastronomia na internet e se diz viciada em programas culinários. Janaina se considera uma líder nata e acredita ter as qualidades necessárias para ter uma boa performance dentro do MasterChef. Define sua cozinha como criativa e usa a cozinha vegetariana e vegana como inspiração para inovações, mas também sabe trabalhar com carnes e frutos do mar. Para ela, o seu destino está na cozinha e o programa é a porta de entrada para seu futuro.

Juliana Fraga
Representante da ilha de Florianópolis (SC), Juliana Fraga é formada em Marketing, mas está desempregada há mais de 1 ano. Quer se encontrar profissionalmente e está apostando todas suas fichas na gastronomia. Aos 12 anos, resolveu fazer um jantar para sua família e não saiu mais de perto do fogão desde então. Acredita no seu potencial como cozinheira e quer entrar no programa para ter certeza do novo caminho profissional que pretende seguir. No dia a dia, gosta de fazer receitas saudáveis com alimentos frescos e naturais, mas diz estar preparada para todo tipo de desafio. Focada e dedicada, promete dar trabalho na competição e levar o troféu para casa.

Juliana Nicoli
Formada em Enfermagem, a paulista de Guaratinguetá Juliana Nicoli ajuda a administrar uma rede de hospitais. Apesar de trabalhar com o que gosta, quer dar uma virada na vida e está decidida a viver de gastronomia. Sua maior inspiração na cozinha é a sua avó, com quem aprendeu os primeiros passos na cozinha. Gosta de reproduzir receitas do MasterChef, mas sempre com um toque pessoal. Juliana é dessas pessoas que não se deixam intimidar pelos obstáculos e acredita que vai fazer diferença no programa pela sua história de vida e por sua força de vontade. Segura, Juliana sabe que pode chegar longe na competição. Uma vez dentro da cozinha do MasterChef, acredita que será difícil tirá-la de lá.

Lorena Dayse
Lorena tem orgulho de suas origens no Piauí. Arretada, nascida e criada em Teresina, sua referência na cozinha é a avó fazendo pirão e a tia fazendo comida trivial nordestina. Trabalha como enfermeira e como professora de preparação para concursos. Sempre estudou muito na vida, mas tem uma cozinha bastante intuitiva e regionalista. Se inscreveu no programa a pedido da filha e quer ganhar o programa para realizar o sonho de abrir seu bistrô no litoral do Piauí.

Marcus Lima
Criado na zona leste de São Paulo, Marcus teve uma infância humilde, mas sempre soube onde queria chegar. Hoje é um cirurgião dentista de sucesso e faz palestras motivacionais para recém-formados na profissão. Já chegou a pesar 140 quilos, porém resolveu mudar completamente seu estilo de vida e sua relação com a comida. Hoje é adepto de uma vida saudável e cozinhar para sua família faz parte dessa rotina. Aprendeu a cozinhar com a mãe mineira, sua maior inspiração na vida e na cozinha. Gosta de se reinventar em cada desafio. Acredita numa cozinha acessível a todos e vai fazer de tudo para ser o novo MasterChef Brasil.

Natália Jorge
Natural de Brasília (DF), Natalia seguiu a mesma carreira dos pais e hoje trabalha como servidora pública. Começou a cozinhar quando foi passar uma temporada na Austrália, mas foi na França que aprimorou seu paladar e seus dotes culinários. Natalia se descreve como uma pessoa reservada, focada e estudiosa, ingredientes fundamentais para ter sucesso na competição. Suas especialidades são a gastronomia vegetariana e italiana. Sonha em abrir uma cafeteria e acredita que o MasterChef pode lhe impulsionar a alcançar seus objetivos.

Renan Corrêa
Renan cresceu em São Luis de Montes Belos, uma pequena cidade do interior de Goiás, e seu passatempo na infância era ir de bicicleta para a roça e cozinhar no fogão à lenha. Aos 12 anos, já sabia cozinhar e teve que assumir as responsabilidades de casa muito cedo para ajudar sua família. É economista, mas está disposto a largar tudo em busca de seu sonho. Apesar do sotaque simpático e do sorriso amigável, Renan diz ter personalidade forte e pavio curto. Tem confiança no seu potencial e promete encantar os jurados com sua cozinha caipira.

Rodrigo Massoni
Paulista de Osasco, formado em engenharia ambiental, Rodrigo trabalhava dentro de um escritório e acabou perdendo o gosto pela profissão. Está desempregado há algum tempo e faz bicos em festas como barman e DJ. Apaixonado por panificação, quer ter seu próprio negócio na área e acredita que o MasterChef é a melhor porta de entrada para o mundo da gastronomia. Viajou por um ano pelo Brasil e pela América do Sul e trouxe muitas inspirações gastronômicas na bagagem. Se diz sincero demais e gosta de papo reto. Acha que pode despertar a antipatia de alguns participantes dentro do programa, mas seu objetivo é ganhar o troféu e promete que nada vai tirar o seu foco dentro da competição. 

Rosana Teresa
Formada em Psicologia, a paulista Rosana trabalha há muitos anos na área de Recursos Humanos e diz ter facilidade para se adaptar a qualquer ambiente. Mãezona, gosta de dizer que criou os seus três filhos sozinha e tem muito orgulho da educação que proporcionou a eles. Ama cozinhar e tem prazer em servir os outros. Com uma pegada de cozinha mais caseira, diz que o MasterChef será um grande desafio. Trabalhou a vida inteira pelos outros e diz que agora chegou o momento de cuidar dela e se tornar a nova MasterChef Brasil.

Weverton Barreto
Mineiro, teve uma infância simples em Araguari e aprendeu a cozinhar ajudando a mãe a fazer bolos. Graças a sua ambição, deu a volta por cima e afirma que sua vida de hoje não tem nada da simplicidade do passado. As viagens gastronômicas pela Europa trouxeram o gosto pela culinária francesa, um de seus pontos fortes na cozinha. Adora fazer jantares temáticos para os amigos, que carinhosamente chama de “cobaias”. Há um ano vem se preparando para entrar no MasterChef e promete agarrar essa oportunidade com unhas e dentes e levar o tão desejado troféu para casa.

“MasterChef Para Tudo”
Amanhã, às 22h, a Band exibe o segundo episódio do MasterChef Para Tudo. Apresentada por Ana Paula Padrão, a atração vai mostrar cenas inéditas, curiosidades e bastidores do programa exibido ontem.

Prêmios
Nesta temporada, todos os desafios do MasterChef Brasil seguem valendo prêmios. Após a conquista do avental, os vencedores das provas individuais acumularão R$ 1 mil em compras no cartão Carrefour; já as mini provas e as provas coletivas valerão R$ 500 para quem fizer o melhor prato. Os dois finalistas ainda serão premiados com R$ 1 mil por mês, durante um ano, para fazer compras com o cartão Carrefour. 

O grande vencedor do talent show vai ganhar o troféu MasterChef; R$ 250 mil; uma bolsa de estudos de técnicas tradicionais da culinária francesa na Le Cordon Bleu Paris; uma cozinha completa da nova linha Brastemp Gourmand com geladeira, micro-ondas, forno tradicional e a vapor, cooktop e coifa. A Tramontina vai equipar a cozinha do vencedor com panelas de aço inox, um kit chef de facas, além dos eletro-portáteis Tramontina by Breville. Já a Barilla vai levar o vencedor para acompanhar o maior campeonato de massas do mundo, o Pasta World Championship.

O segundo colocado ganhará uma bolsa de estudos na unidade da Le CordonBleu em Ottawa, no Canadá, podendo escolher entre o curso de cozinha ou de pâtisserie.

MasterChef Brasil, formato da Endemol Shine Group, é uma co-produção da Band com o Discovery Home & Health. O programa vai ao ar todos os domingos, às 20h, na tela da Band (com transmissão simultânea no aplicativo da emissora para smartphones). A atração também vai ao ar às sextas-feiras, às 20h30, no Discovery Home & Health, com reapresentação às quartas-feiras às 20h30 a partir do dia 29 de março.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo