quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Inédito no Brasil, documentário conta a perseguição do FBI a Martin Luther King

Martin Luther King Jr. em Washington D.C., em 1963, quando fez o famoso discurso “Eu tenho um sonho” - Divulgação

Símbolo mundial da luta por direitos civis e pelo combate à desigualdade racial, Martin Luther King Jr., tem sua trajetória narrada no documentário “Martin Luther King – Um Homem Marcado”, que chega ao canal Curta!. Inédito no Brasil, o filme mostra um poderoso inimigo do líder negro, o então diretor do FBI, J. Edgar Hoover, que empreendeu grandes esforços contra ele, incluindo escutas em hotéis e cartas ameaçadoras. O pastor batista pregava a não-violência e o amor ao próximo, valores eternizados no discurso “Eu tenho um sonho”, proferido durante a Marcha sobre Washington, em 1963. Sua filosofia, no entanto, não era confundida com passividade, já que Luther King liderou manifestações e boicotes, além de ter organizado grupos e conferências que discutiam, sobretudo, as questões raciais. O ativista, vencedor do prêmio Nobel da Paz em 1964, foi duramente perseguido pelo FBI até o fim da vida, em 4 de abril de 1968, quando foi assassinado. A produção, dirigida por Edward Cotterill, conta com depoimentos de historiadores, jornalistas e ativistas envolvidos com o movimento negro, além de imagens de arquivo da época. A estreia é na Sexta da Sociedade, 20/09, às 23h.
 
Série sobre álbuns clássicos homenageia Lou Reed

O álbum “Transformer”, do cantor Lou Reed, é tema de episódio da série documental “Álbuns Clássicos”, exibida no Curta!. O disco de 1972 foi o segundo lançado pelo artista em carreira solo e se tornou decisivo para sua trajetória. Produzido por David Bowie, o projeto é um marco do gênero glam rock e estourou sobretudo pelo sucesso da canção “Walk on the wild side”, elevando Lou Reed ao patamar de superstar internacional. Dirigido por Bob Smeaton, o documentário revela a história por trás de cada faixa de “Transformer”, e conta com depoimentos de músicos como Dave Stewart e Herbie Flowers. Episódio inédito na Segunda da Música, 16/09, às 23h.
 
Segunda da Música – 16/09
23h – "Álbuns Clássicos” (Série) – Episódio “Classic Albums - Lou Reed – Transformer”
O episódio aborda a produção do disco "Transformer", de Lou Reed - que levou o artista do status de herói cult de The Velvet Underground ao de superstar internacional. Diretor: Bob Smeaton. Duração: 50min. Classificação: 12 anos. Horários alternativos: 17 de setembro, terça-feira, às 03h e às 17h; 18 de setembro, quarta-feira, às 11h; 22 de setembro, quinta-feira, às 16h45.
 
Terça das Artes – 17/09
21h – "Design Gráfico Brasileiro” (Série) - Episódio “Capas de Disco”.
Como traduzir visualmente as estripulias musicais de Tom Zé? Como dar uma cara – e uma cara que vai ficar – para uma obra do quilate de “The Dark Side of the Moon”, do Pink Floyd, ou transmitir a atmosfera “voadora” de um clássico do rock nacional como “As Aventuras da Blitz”? Embarque nessa saborosa viagem visual-musical pelas melhores capas de disco feitas no Brasil e no mundo.  Diretor: André Saad Jafet, Jorge Saad Jafet. Duração: 52 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 18 de setembro, quarta-feira, às 01h e às 15h; 19 de setembro, quinta-feira, às 09h.
 
Quarta de Cinema – 18/09
20h - A faixa “A Vida é Curta!” traz os curtas-metragens “Liberdade” e “Borscht - Uma receita russa”.
 
Liberdade (Documentário)
Sow, Abou e Satsuke se encontram em um bairro de São Paulo chamado Liberdade. Uma história sobre imigração, assombrações e resistência. Diretor: Pedro Nishi, Vinícius Silva. Duração: 25min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 19 de setembro, quinta-feira, às 00h e às 14h; 20 de setembro, sexta-feira, às 08h; 21 de setembro, sábado, às 15h; 22 de setembro, domingo, às 01h.
 
Borscht - Uma receita russa (Documentário)
Duas irmãs e seus maridos fogem da Revolução Russa e da Alemanha nazista para o Brasil. Nos anos 1960, dividem uma casa em São Paulo. Diretora: Marina Quintanilha. Duração: 18min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 19 de setembro, quinta-feira, às 00h30 e às 14h30; 20 de setembro, sexta-feira, às 08h30; 21 de setembro, sábado, às 15h30; 22 de setembro, domingo, às 01h30.
 
Quinta do Pensamento – 19/09
21h - Palavras Permanecem (Série) - Episódio “Vivendo Mortes e Morrendo Vidas”
O poeta, compositor e filósofo Antonio Cicero encontra o também poeta e músico Arnaldo Antunes. Juntos, refletem sobre composição poética e o universo da canção, falando também sobre semelhanças e diferenças em seus processos de criação. Suas declamações e comentários sobre o que importa na poesia e na composição musical revelam o rico universo desses dois grandes artistas. Diretor: Renata Druck. Duração: 26min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 20 de setembro, à 01h e às 15h; 21 de setembro, às 18h35; 22 de setembro, às 9h30. 
 
21h30 – “Livro de Cabeceira” (Série) – Episódio “Reinaldo Moraes indica o livro ‘O jogo da amarelinha’, de Julio Cortázar”.
O escritor Reinaldo Moraes (do romance “Pornopopeia”) nos conta, neste episódio, suas impressões a respeito do livro “O jogo da amarelinha”, do escritor argentino Julio Cortázar. Diretor: Eduardo Barros. Duração: 4min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 20 de setembro, sexta-feira, à 01h30 e às 15h30; 22 de setembro, domingo, às 14h50; 23 de setembro, segunda-feira, às 09h30.
 
Sexta da Sociedade – 20/09
23h – “Martin Luther King: um homem marcado” (Documentário)
Martin Luther King Jr. impulsionou mudanças nos Estados Unidos em face a uma amarga oposição. Foi um dos mais importantes líderes do movimento dos direitos civis dos negros no mundo, com um discurso de não violência e de amor ao próximo. King foi submetido a uma feroz campanha de intimidação pelo FBI de J. Edgar Hoover, tão extrema que gerous suspeitas de envolvimento do governo no assassinato do líder.  Diretor: Edward Cotterill. Duração: 60min. Classificação: 12 anos. Horários alternativos: 21 de setembro, sábado, às 03h e às 12h; 22 de setembro, domingo, às 23h; 23 de setembro, segunda-feira, às 17h; 24 de setembro, terça-feira, às 11h.
 
Sobre o Curta!
Dedicado às artes, à cultura e às humanidades, o Curta! é um canal independente que acolhe a experimentação e se orgulha de ser um parceiro dos realizadores, artistas, criadores e produtores. Com o compromisso de transmitir 12 horas por dia de programação nacional independente, o canal pauta a sua programação pelos seguintes temas: música, dança, teatro, artes visuais, arquitetura, metacinema, filosofia, literatura, história política e sociedade.
O Curta! pode ser visto nos canais 56 e 556 da NET e da Claro TV, no canal 75 da Oi TV e no canal 664 da Vivo, oferecido à la carte pela operadora.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo