terça-feira, 10 de agosto de 2021

TV Cultura chegará a metade da população de Pernambuco

Foto Gregory Grigoragi

A
 TV Pernambuco, emissora pública do Estado, se junta à rede de afiliadas da TV Cultura de São Paulo. Com a parceria, cerca de 5 milhões de habitantes, mais de 50% da população, terão acesso aos principais programas do canal, incluindo a Região Metropolitana de Recife, a Grande Caruaru e Petrolina.

A assinatura do contrato ocorreu no início da tarde desta segunda-feira (9/8), com as presenças do secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco, Lucas Ramos, do presidente da TV Pernambuco, Ivan Júnior, do presidente da Fundação Padre Anchieta/TV Cultura, José Roberto Maluf, e do diretor de Rede e Novos Negócios da TV Cultura, Fábio Borba.

O contrato prevê a exibição dos mais importantes programas da grade da Cultura - que inclui os jornalísticos Roda Viva, Jornal da Cultura, Jornal da Tarde e Manhattan Connection; as transmissões esportivas e o Revista do Esporte; o Sr. Brasil, #Provoca, Estação Livre e Repórter Eco; e infantis como o Quintal da Cultura. A filiação ainda contempla as cooperações nas áreas de tecnologia, jornalismo, programação, produção e comercial.

Além disso, haverá uma cooperação técnica que possibilitará a implantação do sinal digital em Garanhuns, Arcoverde e Fernando de Noronha (TV Golfinho). A programação também poderá ser vista em Caruaru e mais cinco cidades do Agreste, além de Petrolina, no Sertão do Vale do São Francisco. Para José Roberto Maluf, a parceria da TV Cultura com a TV Pernambuco é um marco. "Agradeço pela oportunidade de levar a TV Cultura para dentro da TV Pernambuco. Vocês nos dão uma cobertura extraordinária, que em 2022 vai chegar a quase 90% do estado".

De acordo com o presidente da TV Pernambuco, Ivan Júnior, a emissora é a única que detém 60 concessões em um estado inteiro, ou seja, apenas ela é capaz de atingir 100% da população a partir de apenas um só sinal. Ivan ainda acrescenta: "A volta da TV Cultura à TV Pernambuco marca, na verdade, um encontro de objetivos. Objetivos muito claros e muito parecidos com a TV Cultura, que é promover a cultura, a educação, ou seja, direitos humanos."

Segundo Fábio Borba, além de levar o conteúdo da TV Cultura para o estado nordestino, a ação propiciará que a cultura, os costumes e o turismo pernambucano estejam presentes na programação nacional, já que a Cultura hoje está presente em todo o País. "Eventos como o Carnaval de Olinda, o Festival de Inverno de Garanhuns e o São João de Caruaru poderão ser vistos na programação da TV Cultura e de suas afiladas".

O secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco, Lucas Ramos, diz: "A TV Pernambuco ganha com a ampliação do alcance do que é produzido pela nossa equipe pernambucana e, evidentemente, ao mesmo tempo ganha em nossa grade de programação os produtos de qualidade inquestionável produzidos pela TV Cultura, conhecidos no Brasil e no mundo inteiro".

TV Pernambuco

é uma emissora pública que transmite programação local e de rede para mais de 100 municípios pernambucanos. Com sede transmissora na cidade de Caruaru, no Agreste do Estado, o sinal é ampliado para o interior, no canal 13.1 em Petrolina, e Região Metropolitana do Recife, pelo canal 46.1.

Com 36 anos, a emissora está de cara nova. Lançou marca totalmente reformulada, com design mais leve e fluido. Busca conectar a modernidade das telas contemporâneas à comunicação pública, em consonância com o momento de mudanças que a TVPE passa. A retomada do jornalismo da emissoara depois de décadas se uniu ao lançamento de novos programas como o "Curta por Aí", o "Amplifica" e o "Reviva", que estrearam em fevereito de 2021

História

A TV Pernambuco entrou no ar pela primeira vez em 28 de novembro de 1984, com o nome de TV Tropical. Desde o início, a emissora já produzia e exibia programas locais, com foco nos educativos e jornalísticos. Em 1988, foi rebatizada de TV Pernambuco. Neste período, viveu seu auge, com programas que marcaram época como o Campo Livre, Domingo Político, Pernambuco Hoje, Movimento, entre outros.

Entre 1991 e 1997, a TV Pernambuco retransmitiu no Estado a programação da TV Cultura. Em 2006, voltou a ser filiada da TV Cultura.

Em 2013, com a criação da Empresa Pernambuco de Comunicação, a TV Pernambuco inicia um processo de reestruturação da sua programação, com foco na democratização da comunicação pública. Passa a ser uma das principais ferramentas de escoamento da produção independente realizada em Pernambuco. A partir de 2021, esta reestruturação passa a incorporar a retomada do jornalismo como um dos carros chefes da programação da TV Pernambuco.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

  ©Noticias da tv brasileira - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo